DEPOIMENTOS

  • Elvécio Guimarães
    É preciso não perder oportunidades e aproveitá-las com eficiência e eficácia. Assim age a APPA. Nada de exaltar a dinâmica que ela emprestou às produções do Palácio das Artes. Desnecessário salientar que só a APPA deu reais condições de exeqüibilidade a um sem número de projetos. Inútil falar da agilidade e competência no atendimento às produções artísticas. Melhor que isso é seguir seu exemplo. Espelhemo-nos na APPA!
    Elvécio Guimarães
    Ex-Presidente da Fundação Clóvis Salgado E ex-Secretário de Estado da Cultura
  • Eduardo Noronha
    A APPA tem a missão especial de favorecer, com excelência, o acesso das pessoas às novas oportunidades culturais, bem como ao pluralismo da criação cultural. A expertise que a APPA tem para exercer a proponência de projetos culturais é de altíssimo nível.
    Eduardo Noronha
    Empresário e ex-Presidente da APPA
  • Deise Cavalcanti Lustosa
    Para os mineiros consumidores de arte e cultura, a APPA é uma OSCIP exemplar como gestora de projetos culturais. Suas realizações demonstram seriedade e competência na gerência e administração de projetos e produções artísticas em todas as áreas, preservando valores e fortalecendo identidades culturais. Por isso, a APPA merece o respeito de seus Parceiros, o envolvimento de sua direção, corpo técnico e associados e o reconhecimento do público.
    Deise Cavalcanti Lustosa
    Diretora do Museu do Oratório de Ouro Preto
  • Cledorvino Belini
    Por ocasião da publicação do relatório de atividades da APPA, dou os parabéns à instituição pelo trabalho de parceria bem-sucedido que foi realizado com a FIAT e com a Casa FIAT de Cultura na realização da exposição de Arte Italiana.
    Cledorvino Belini
    Presidente da FIAT do Brasil
  • Chico Pelúcio
    A parceria com a Associação Pró-Cultura Palácio das Artes, iniciada há cinco anos, tem rendido bons frutos à Fundação Clóvis Salgado. Como responsável pelo gerenciamento dos projetos para as Leis de Incentivo à Cultura Estadual e Federal, a Associação teve relevante papel na consolidação dos nossos programas de fomento, difusão e produção cultural.
    Chico Pelúcio
    Presidente da Fundação Clóvis Salgado – Palácio das Artes
  • Celina Albano
    Ter viabilizado a criação da APPA foi um ato marcante da minha gestão na Secretaria de Estado da Cultura. O início de um novo tempo para a Fundação Clóvis Salgado/ Palácio das Artes, que passou a compartilhar suas realizações com a sociedade e o empresariado de Minas Gerais. Ao longo dos anos, a APPA com sua competente e ousada equipe de profissionais, tornou-se referência nacional no seu campo de atuação.
    Celina Albano
    Ex Secretária de Estado de Cultura de Minas Gerais, Ex Secretária Municipal de Cultura de Belo Horizonte, Assessora Especial do Prefeito de Ouro Preto.
  • Angelo Oswaldo de Araújo Santos
    Evoco meus quatro anos de contato direto com a APPA, ao dizer que ela é instrumento decisivo para as políticas de cultura em Minas Gerais. A entidade foi um dos principais suportes da estratégia que fez do Palácio das Artes, uma referência internacional. Relançamos esse grande centro, superando problemas herdados do incêndio e de antigas deficiências físicas. Uma perspectiva empolgante se estabeleceu, a partir das possibilidades ensejadas pela APPA, quanto à captação de recursos e concretização de metas. A parceria da Fundação Clóvis Salgado com a APPA tem sido um programa exemplar. Conseguimos que a APPA se tornasse a primeira OSCIP cultural do Brasil e conquistamos resultados de reconhecido sucesso.
    Angelo Oswaldo de Araújo Santos
    Secretário de Estado de Cultura de Minas Gerais
  • Angela Gutierrez
    A cultura de Minas deve muito à atuação da APPA. Uma grande parcela da produção cultural de qualidade que tem sido viabilizada no Estado, e não apenas no Palácio das Artes, o que por si só já seria extraordinário, é fruto da ação dedicada, qualificada e estratégica de todo o corpo executivo e técnico da APPA. A experiência deste grupo na elaboração, captação e gerenciamento de projetos configura-se como uma gestão exemplar na área cultural, com resultados visíveis que podem ser compartilhados por todo o público mineiro e brasileiro.
    Angela Gutierrez
    Ex Secretária de Estado de Cultura de Minas Gerais, Diretora do Museu do Oratório (O.P.) e do Museu de Artes e Ofícios (B.H.), empresária.
  • Amílcar Vianna Martins Filho
    Desde a sua criação, em 1993, a APPA tem sido uma das principais instituições de apoio às artes e à cultura em Minas Gerais. Durante muitos anos, foi responsável pela elaboração e execução dos projetos da Fundação Clóvis Salgado – a mais importante instituição cultural do Estado – o que, por si só, garante à APPA um papel de grande destaque na história cultural de Minas Gerais. Mais recentemente, ampliou o leque de sua atuação, associando-se a outras instituições em projetos de grande envergadura e interesse sociocultural. O profissionalismo e a competência do seu corpo técnico, ao lado da decidida e desinteressada colaboração de seus associados, nos permitem antever que, no futuro, a nossa APPA terá um papel ainda mais importante no panorama da vida cultural mineira.
    Amílcar Vianna Martins Filho
    Presidente da Fundação João Pinheiro e ex-Secretário de Estado da Cultura
  • Adauto Novaes
    Com mais de 25 anos de trabalho na área cultural, posso afirmar que poucas instituições brasileiras rivalizam com a APPA e seus admiráveis projetos. Ela dá forma a idéias ousadas, bem concebidas. Em poucas palavras: a APPA é exemplar no seu cuidadoso
    Adauto Novaes
    Diretor da Artepensamento

PARCEIROS