História Permanente do Cinema | Sonata de Outono

História Permanente do Cinema | Sonata de Outono

No dia 11 de julho, quinta, às 17h, a mostra História Permanente do Cinema exibe Sonata de Outono, de Ingmar Bergman.

17h HISTÓRIA PERMANENTE DO CINEMA | Sonata de Outono, de Ingmar Bergman (Herbstsonat, SWE-EUA, 1978) | 12 anos | 100’

Após ter sido uma mãe ausente por anos, Charlotte (Ingrid Bergman), uma renomada pianista, vai até a casa de sua filha Eva (Liv Ullmann) para lhe fazer uma visita. Ela se surpreende ao encontrar sua outra filha, Helena (Lena Nyman), que tem problemas mentais. Eva tirou Helena da instituição que Charlotte a havia internado para cuidar dela em casa. A tensão entre mãe e filha começa a crescer devagar até elas colocarem tudo em panos limpos, dizendo tudo que sempre gostariam de dizer.

Sessão comentada por Ursula Rosele. Doutora em Cinema pela Escola de Belas Artes da UFMG (2017). Possui graduação em Comunicação Social pela Universidade FUMEC (2004) e mestrado em Comunicação Social pela Universidade Federal de Minas Gerais (2011). Atualmente é professora titular do Centro Universitário UNA, atuando principalmente nos seguintes temas: cinema, documentário, roteiro, ficção, história do cinema e cinema contemporâneo. Produtora cultural e membro de comissões de seleção de mostras, festivais e editais de fomento ao audiovisual. Crítica de cinema.

O evento tem correalização da APPA- Arte e Cultura.

INFORMAÇÕES GERAIS
O quê? História Permanente do Cinema | Sonata de Outono
Onde? Cine Humberto Mauro – Palácio das Artes (Av. Afonso Pena, 1537, Centro, Belo Horizonte/MG)
Quando? 11 de julho | 17h
Quanto? Gratuito
Informações para o público: (31) 3236-7400